Na noite desta quarta-feira (05), na Arena Castelão, em Fortaleza-CE, o Corinthians entrou em campo pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro e foi derrotado pelo Ceará, por 2 a 1. Com o resultado, o Timão ocupa a oitava colocação do torneio nacional, com 30 pontos conquistados. Gol do Alvinegro foi marcado pelo camisa 9, Roger.
Corinthians escalado
Comandado pelo técnico Osmar Loss, o Corinthians começou a partida com: Walter, Mantuan, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Douglas, Jadson, Pedrinho; Romero e Roger. À disposição no banco de reserva estavam Caíque, Felipe, Marllon, Vilson, Paulo Roberto, Araos, Gabriel, Mateus Vital, Thiaguinho, Danilo e Matheus Matias.
O jogo
Aos 2 minutos de partida, após cobrança de escanteio, Léo Santos cabeceou e o goleiro adversário defendeu sem grandes dificuldades. Aos 6 minutos, Walter parou o contra-ataque adversário com uma excelente defesa. Aos 9, novamente a estrela de Walter brilhou. Após uma bola cruzada na área, o atacante adversário deu um carrinho na bola e o arqueiro corinthiano fez mais uma boa defesa.
Corinthians x Ceará - Foto: Agência Corinthians
Corinthians x Ceará – Foto: Agência Corinthians
Aos 18 minutos, em cobrança de falta, o goleiro Éverson abriu o placar para a equipe cearense. Aos 34, Pedrinho recebeu boa bola de Jadson, dominou e chutou. A bola passou bem perto da meta do Ceará.
No segundo tempo, aos 7 minutos, Romero levou perigo ao gol de Éverson, que evitou o empate alvinegro. Aos 11, com Calyson, o Ceará ampliou, 2 a 0.
Aos 18 minutos, técnico Osmar Loss promoveu a primeira mudança do Corinthians. Saiu Douglas para a entrada de Mateus Vital. Aos 26, Jadson achou Roger na entrada da área e tocou, o camisa 9 tirou o goleiro e diminui para o Timão.
Precisando do resultado, Osmar Loss promoveu mais duas mudanças no Corinthians. Jadson saiu para a entrada de Araos e Ralf para a entrada de Matheus.
Próximo jogo
O Corinthians enfrenta o Palmeiras pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro no próximo domingo (09), às 16h, no Allianz Parque, em São Paulo.