Pressionado pela vitória do São Paulo-SP, o Internacional-RS respondeu imediatamente e retomou a liderança do Brasileirão 2018 ao superar o Grêmio neste domingo (9).

No Beira-Rio, o Colorado levou a melhor no Gre-Nal da 24ª rodada, venceu por 1 a 0 e reassumiu a liderança da Série A. Com os mesmos 49 pontos do Tricolor paulista, o time gaúcho ocupa a primeira posição, graças ao melhor saldo de gols (18 a 17).

Com casa cheia, o Gre-Nal 417 teve um início truncado. Lutando pelo domínio territorial do meio de campo, as duas equipes mostraram muita disposição nos primeiros 45 minutos, mas poucas chances claras de gols foram criadas e o placar permaneceu zerado no primeiro tempo.

Internacional x Grêmio – Foto: Divulgação

Na etapa final, o Internacional passou a explorar as jogadas pelos lados do campo e chegou ao gol da vitória aos 13 minutos. Após cruzamento de Uendel, Edenílson apareceu livre e, de cabeça, garantiu o triunfo colorado. Aos 27 minutos, Leandro Damião por pouco não ampliou a vantagem, mas o goleiro Marcelo Grohe evitou o que seria o segundo gol dos donos da casa.

Show na arquibancada
Desde o início da manhã deste domingo, os colorados já tomavam as cercanias do Beira-Rio em aquecimento para o grande clássico. Um verdadeiro mar vermelho se formou para recepcionar a delegação na chegada ao Gigante. Pouco antes de a bola rolar, o Estádio já pulsava, como pode ser conferido no vídeo abaixo.

 

Desfalques
Além de Lucca, Charles e Danilo Fernandes, lesionados, o técnico Odair Hellmann não pôde contar com o Iago, suspenso pelo terceiro cartão amarelo recebido na vitória sobre o Flamengo na quarta-feira. Para a vaga na lateral esquerda o treinador escalou Uendel, que correspondeu bem, inclusive dando o passe para o gol de Edenilson.

Números atualizados do Gre-Nal
417 jogos
156 vitórias
131 empates
130 derrotas

Internacional (1): Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel (Fabiano); Rodrigo Dourado, Edenilson e Patrick; Nico López (D’Alessandro), William Pottker e Jonatan Alvez (Leandro Damião). Técnico: Odair Hellmann.
Grêmio (0): Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Bressan e Cortez; Thaciano (Pepê), Cícero, Ramiro, Luan (Jean Pyerre) e Alisson; André. Técnico: Renato Portaluppi.
Local: Estádio Beira-Rio
Gol: Edenilson (I), aos 14 minutos do segundo tempo.
Arbitragem: Pericles Bassols Pegado Cortez, auxiliado por Clovis Amaral da Silva e Bruno Cesar Chaves Vieira (trio pernambucano).
Cartões amarelos: Nico López, Víctor Cuesta, Rossi (I); Luan, Thaciano, Ramiro, André (G)