Libertadores: Grêmio vence o River Plate e abre vantagem

Publicidade

A noite desta terça-feira, 23, foi de Copa Libertadores da América para o Grêmio, que entrou em campo no Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, na Argentina, para enfrentar o River Plate, pelo jogo de ida das semifinais da competição. E conquistou bons resultados, vencendo o time argentino pelo placar de 1 a 0, trazendo boa vantagem para os últimos 90 minutos, na próxima semana, dia 30, na Arena.

Quem assistiu, presenciou um primeiro tempo disputado. Ambas equipes atacaram e criaram oportunidades de gol. O Grêmio trabalhou a bola, pressionou e chegou com Geromel e Cícero, que conseguiram boas finalizações. Já o River também teve suas chances com Palacios e Martinez, mas parou nas boas defesas de Marcelo Grohe.

A etapa complementar começou com pressão argentina, mas o Grêmio não se rendeu. Aos 16 minutos, Alisson cobrou escanteio no primeiro poste, Michel subiu e mandou de cabeça, balançando as redes adversárias e abrindo o marcador. A partir daí, o Tricolor conseguiu controlar mais as ações e explorar o jogo. O time da casa pressionou, mas o Tricolor soube administrar o resultado.

Na terça-feira, o Grêmio entra em campo na Arena, para a grande decisão das semifinais da competição.

 

Primeiro Tempo

O Grêmio chegou logo aos 2 minutos de partida, com um lançamento de Geromel para Cícero, que de dentro da área mandou de cabeça, mas Armani fez a defesa. Em seguida, Cícero novamente recebeu em frente à área, chutou, mas mandou para fora.

O time da casa buscou responder em um ataque puxado por Pity. Da intermediária, ele buscou acionar Scocco, mas para sorte gremista, mandou errado.

Aos 7’, o River conseguiu chegar com perigo pela esquerda, trocando passes e envolvendo a defesa tricolor. No lance, Palacios foi acionado dentro da pequena área, foi a linha de fundo e cruzou fechado. Marcelo Grohe segurou firme. Na sequência, pela direita, Scocco foi lançado, mas não conseguiu alcançar a bola que saiu.

Mas o Grêmio também trabalhou a bola. O Tricolor chegou bem, após boa troca de passes pela meia direita. No último lance, Alisson cruzou na área, mas Armani conseguiu defender.

Em resposta, os adversários chegaram com Borré, que recebeu dentro da área, mas dividiu com Leonardo Gomes e caiu no gramado, mas nada havia de errado no lance. Já aos 13’, Ponzio arriscou de fora da área, mandando um chute em direção a meta gremista. Grohe mais uma vez defendeu.

Aos 15’, o Grêmio teve uma falta da intermediária de ataque. A bola foi colocada na área por Alisson, Geromel subiu de cabeça, mas mandou para fora.

Os argentinos levaram perigo com uma bola colocada na área gremista. Palacios cruzou fechado, Grohe defendeu em dois tempos. Mas no lance seguinte, foi a vez dos gremistas ameaçarem novamente. Alisson cobrou uma falta na cabeça de Geromel, que desviou, obrigando Armani a boa defesa.

Com 23 minutos jogados, o Tricolor teve um escanteio a seu favor. Alisson cobrou, colocando no primeiro poste. Scocco afastou, mas a sobra caiu nos pés de Ramiro, que chutou forte, mas a bola mais uma vez bateu na marcação. No minuto seguinte, trocando passes e trabalhando bem, Cícero recebeu no meio, puxou pra canhota e finalizou, mandando uma bomba, que obrigou Armani a espalmar a escanteio.

Aos 30’, Palacios recebeu um bom passe e mandou uma bomba em direção a meta gremista, obrigando Grohe a cair e espalmar para escanteio. Na cobrança, Quintero colocou no primeiro poste e Maidana mandou de cabeça, por sobre o gol.

Mais uma vez no ataque, o River Plate levou muito perigo com Pity, que depois de uma troca de passes, recebeu, cortou pra direita e chutou forte. Grohe espalmou e Geromel completou, afastando pela linha de fundo. Na cobrança do escanteio, o arqueiro gremista mais uma vez fez a defesa.

Jogo finalizou aos 47’.

 

Segundo Tempo

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação.

O River tentou chegar por duas vezes aos três minutos, mas parou na defesa gremista. No lance, Geromel fez o corte. Na sequência, o time da casa conseguiu um escanteio. Na cobrança, Quintero colocou na área, Maidana se livrou da marcação e mandou de cabeça, mas por sobre a meta, para sorte gremista.

Aos 10’, mais perigo no campo de defesa tricolor. Pity fez uma jogada pela esquerda e acionou Scocco, mas o jogador foi desarmado pela marcação.

Dois minutos depois, os argentinos tiveram uma falta a seu favor da intermediária de ataque. Quintero cobrou, mandando na área; Grohe saiu de soco e afastou o perigo, sofrendo falta de Pinola.

O Grêmio ameaçou. Maicon deu bom passe para Cícero, que mandou uma bomba; Maidana desviou a escanteio. E foi na cobrança de Alisson, no primeiro poste, que Michel subiu e mandou de cabeça, balançando as redes argentinas, aos 16 minutos.

Aos 24’, o Tricolor chegou com uma cobrança de falta feita por Alisson, mas o atacante mandou fechado, facilitando a defesa de Armani.

Em resposta, Martinez foi a linha de fundo, pela esquerda e cruzou, mas Geromel fez o corte. O River insistiu, mas a marcação gremista barrou qualquer chegada ao ataque.

O Grêmio tentou pela esquerda, com Cortez, que recebeu bom passe e fez um cruzamento rasteiro, mas a marcação cortou. No lance seguinte, Ramiro sofreu uma falta na intermediária de ataque. Na cobrança, Jael bateu, mas a bola explodiu na barreira. Na sobra, Leonardo Gomes mandou com muito perigo e por pouco não assinalou o segundo gol, com 34 minutos.

Os mandantes chegaram aos 35’, em cobrança de falta. A bola foi colocado a meia altura, defesa interceptou e Grohe completou, afastando de soco. No lance seguinte, Pratto recebeu um cruzamento na área, dominou e finalizou, mas por sobre a meta.

Substituição: Saiu Jael, entrou Thonny Anderson, aos 36 minutos.

Aos 42’, Fernández fez um lançamento para Pinola, que finalizou, mas nas mãos de Marcelo Grohe.

Substituição: Saiu Ramiro, entrou Thaciano, aos 43 minutos.

O River pressionou bastante nos minutos finais. Aos 48’, Quintero cobrou uma falta da intermediária, obrigando Grohe a fazer boa defesa e espalmar a escanteio. Na cobrança, a bola explodiu em Maicon. Depois de uma sequência de escanteios, a defesa gremista afastou o perigo do campo de defesa.

Substituição: Saiu Alisson, entrou Kaio, aos 49’.

Pinola ainda tentou passar pela marcação de Geromel, pela esquerda, mas sem sucesso.

Grêmio a 90 minutos da grande final da Libertadores da América.

Jogo finalizou aos 50’.

- Advertisement -

Últimas Notícias

Heróico, Fortaleza arranca empate com o Atlético-MG

Após levar 2 a 0, Tricolor mostra poder de reação em Belo Horizonte e empata com o Galo em 2 a 2 pela 11ª rodada da Série A

Corinthians e Flamengo ficam no empate em Itaquera

Na Arena Corinthians, neste domingo (21), Timão abre o placar com Clayson e Rubro-negro carioca arranca empate no fim com Gabriel

Santos vence o Botafogo com golaço de Marinho e cola no Palmeiras

Na manhã deste domingo (21), Peixe leva a melhor no duelo alvinegro, vence por 1 a 0 no Nilton Santos e alcança mesma pontuação do Verdão

Bahia e Cruzeiro empatam na Arena Fonte Nova

Neste sábado (20), equipes esbarram nas boas atuações dos goleiros e placar permanece inalterado até o apito final

Ceará vence o líder Palmeiras e derruba último invicto do Brasileirão

Na Arena Castelão, Vozão bate o atual campeão por 2 a 0 e acaba com a invencibilidade de 33 jogos do Verdão na Série A

Athletico-PR goleia o CSA-AL e sobe na tabela do Brasileirão

Pela 11ª rodada, Furacão sobe seis posições ao bater o time alagoano por 4 a 0, neste sábado (20), no Rei Pelé, em Maceió

Internacional e Grêmio empatam pela 11ª rodada do Brasileirão

No Beira-Rio, neste sábado (20), Colorado sai na frente com gol contra de Paulo Miranda e Tricolor iguala no segundo tempo com Luan

Heróico, Fortaleza arranca empate com o Atlético-MG

Após levar 2 a 0, Tricolor mostra poder de reação em Belo Horizonte e empata com o Galo em 2 a 2 pela 11ª rodada da Série A

Corinthians e Flamengo ficam no empate em Itaquera

Na Arena Corinthians, neste domingo (21), Timão abre o placar com Clayson e Rubro-negro carioca arranca empate no fim com Gabriel

Santos vence o Botafogo com golaço de Marinho e cola no Palmeiras

Na manhã deste domingo (21), Peixe leva a melhor no duelo alvinegro, vence por 1 a 0 no Nilton Santos e alcança mesma pontuação do Verdão