Chapecoense vence o Internacional por 2 x 0, veja os gols

Chape estreia com bela vitória na Arena Condá


O Internacional foi derrotado por 2 a 0 pela Chapecoense na noite deste sábado, na Arena Condá, pela primeira rodada do Brasileirão. O primeiro gol surgiu em lance decidido pelo sistema de vídeo-arbitragem (VAR), que resultou em pênalti convertido pelo time catarinense nos acréscimos da etapa inicial. O time colorado tentou a reação, mas acabou sofrendo outro gol aos 42 minutos do segundo tempo, colocando fim a uma invencibilidade de sete jogos.

Debaixo de chuva, Chapecoense e Internacional fizeram um início de jogo movimentado na Arena Condá. Aos sete minutos, Alan Ruschel mandou uma bomba de fora da área para boa defesa de Marcelo Lomba.

A resposta colorada foi imediata e na mesma moeda. Neilton arriscou de longe e Tiepo evitou o gol. Aos poucos o ritmo do jogo diminuiu, mas o equilíbrio permaneceu.

O gol do primeiro tempo saiu somente aos 46. Everaldo, de pênalti colocou a Chape em vantagem. E ainda deu tempo para o Inter assustar em boa finalização de Camilo. Assim como na etapa inicial, os últimos 45 minutos do jogo começaram a todo vapor.

Logo aos dois minutos, o Verdão chegou com Márcio Araújo. Mais uma vez o Colorado respondeu na sequência. Lindoso cabeceu, Tiepo fez a defesa, Emerson Santos pegou o rebote e novamente o arqueiro salvou os catarinenses. Buscando o empate, o Inter foi para cima.

Na marca dos 14, Rafael Sóbis, de calcanhar, tocou para Uendel, que obrigou o goleiro da Chape a fazer outra grande defesa.

O time da casa não deixou barato e quase ampliou, aos 18 minutos. Everaldo bateu no alto e Marcelo Lomba salvou o Internacional. Já aos 42, o camisa 77 da Chapecoense apareceu de novo e em chute rasteiro fez 2 a 0.

Ficha técnica:

Chapecoense (2): Tiepo; Eduardo, Gum, Douglas e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Campanharo, Alan Ruschel (Aylon) e Diego Torres (Amaral); Régis (Renato) e Everaldo. Técnico: Ney Franco.

Internacional (0): Marcelo Lomba; Bruno, Emerson Santos (Rodrigo Moledo), Roberto e Uendel; Rodrigo Lindoso, Nonato e Camilo (Jonatan Alvez); William Pottker (Sarrafiore), Rafael Sobis e Neilton. Técnico: Odair Hellmann.

Gols: Everaldo (C), de pênalti, aos 46min do primeiro tempo, e aos 42min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Emerson Santos (I); Douglas (C).

Arbitragem: Raphael Claus, auxiliado por Marcelo Van Gasse e Danilo Ricardo Simon (trio paulista).

Local: Arenda Condá, em Chapecó-SC.

- Advertisement -
O Futebolhttps://www.ofutebol.com.br
Equipe de jornalistas e Colaboradores que selecionam, editam e produzem o conteúdo do Jornal O Futebol.

Reforços do Vasco da Gama: Atacante Douglas Tanque, ex-Corinthians, é oferecido

O Vasco da Gama não para de receber ofertas de empresários que oferecem atacantes dos mais variados...

Brasil vence a Argentina por 2 a 0 e passa para final da Copa América

Gabriel Jesus e Firmino marcam os gols da partida

Vasco da Gama e Fluminense analisam a contratação do atacante Welthon, do Vitória de Guimarães

O Vasco da Gama segue sua cruzada em busca de um atacante. O clube chegou a tentar...

Assine nossa Newsleter

Fique por dentro de tudo que rola no Futebol mundial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui